Abílio Pinto apresentou candidatura a Infias pelo PS

Apresentação aconteceu na EB1 do Cruzeiro.

O Partido Socialista (PS) de Vizela arrancou esta tarde com o ciclo de apresentações dos candidatos às freguesias do concelho e a primeira foi Infias. Abílio Pinto é o candidato socialista e, esta tarde, falou aos infienses, agradecendo a todos os que o desafiaram a aceitar o desafio do partido. Disse ter decido aceitar por achar importante haver alguém, que possa mudar para melhor a vida das pessoas, na freguesia”. Caraterizou-se como homem do povo, “que nunca quis distinções” mas que agora terá chegado a “altura de agir”. Emocionado, referiu contar com a equipa que o acompanha nesta caminhada para executar “um plano de trabalho assente em projectos claros, de custos controlados e exequíveis, tendo sempre como principal objetivo as pessoas”. Entre as propostas que constam do seu programa eleitoral, Abílio Pinto destacou a promoção do apoio ao estudo para as crianças e jovens de famílias carenciadas, o apoio às associações e a atribuição de prémios de mérito aos melhores alunos e o apoio às associações de pais. Abílio Pinto tem também a intenção de implementar de um Orçamento Participativo e parcerias para a dinamização de um programa de promoção da saúde, sobretudo para a população idosa.

“Após as grandes intervenções feitas na freguesia pelo executivo do PS da Câmara Municipal de Vizela, de que são exemplo a primeira fase de requalificação e pavimentação da Rua Guilherme Pinto Varela, a eliminação do ponto negro rodoviário próximo da Igreja, com criação de uma rotunda, e o monumento de homenagem ao Sr. Padre Rosas, iremos trabalhar para a concretização das seguintes acções”, o candidato socialista acrescentou o reordenamento da entrada viária na freguesia, entre a Via Paralela à EN 106 e a Rua Portos Júnior, a concretização da reabilitação urbana da área envolvente à Igreja do Senhor das Chagas e os passeios na Rua Dona Maria Adelaide Vilas”. Considera prioritário também a criação de rede de abastecimento de água à Capela de Alijó, “para que a médio prazo se crie uma zona de lazer”, a reabilitação do Largo de Atim. Frisou ainda a manutenção dos espaços verdes e a limpeza da freguesia e a defesa do património cultural e a resolução definitiva do Complexo Desportivo do CCR Raul Brandão de Infias.

Carlos Alberto Costa, candidato à Assembleia Municipal também falou. Disse que “os verdadeiros socialistas” estão no ativo “ a lutar por Vizela” e que o PS “está bem vivo”. “Agradeço aos socialistas pro me terem acolhido bem no seio desta família e podem contar comigo para ajudar ainda mais a tornar esta candidatura vitoriosa no dia 01 de outubro”. Dirigindo-se a Abílio Pinto e à sua equipa, deixou um repto aos infienses que foi “mudar o rumo” a esta freguesia. “Uma freguesia que teve sempre bons presidentes de Junta, que fizeram um bom trabalho (…) com a Câmara Municipal de Vizela por trás, liderada pelo PS”.

Ilídio Costa referiu-se ao vandalismo nos outdoors

João Ilídio Costa, candidato do PS à Câmara Municipal também tomou da palavra. E para dizer que, atualmente, “o PS está unido, e está bem porque Dinis Costa cumpriu a sua palavra e, não se recandidatando, arranjou alternativas credíveis que sustentassem o partido”. E acrescentou: “A nossa candidatura foi a última a aparecer mas é aquela que mais está a marcar a sociedade vizelense que precisa de mudança. Vizela vai mudar para melhor”. João Ilídio Costa falou ainda do caso de vandalismo nos outdoors, denunciado esta semana pelo Movimento Vizela Sempre. “Não podemos estar de acordo com isto, mas não podemos aceitar que alguém do Movimento ande a dizer que foi fulano ou beltrano. Ou apresentam provas, ou caso contrário não podemos aceitar”. E foi mais longe: “assiste-nos o mesmo direito de pensar, não de o dizer, “porque não foram eles que o fizeram?”. “Porque a situação não lhes está favorável e, por vezes, arranjam formas de se vitimizarem para que a opinião pública valorize a situação”, rematou. 

Esta noite, é a vez da apresentação de Marco Alves, candidato à Junta de Freguesia de Santa Eulália. Está marcada para as 20h00, junta da igreja.